sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Esclarecimento


Eu sei que este blog em termos de estética pode começar a parecer o tanto ou quanto comercial por causa de publicidade que vós cerca pelo lado direito. Mas pensem nisto é uma oportunidade de me darem uns trocos, quem sabe se assim finalmente vou comprar o carro que ambiciono tanto que é o VW Golf TDi.
Conto com vocês para atingir tão ambicionado objectivo! :) hehe
Já lá diz o ditado quem poupa tostões ganha milhões!

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Pensamentos... O Mundo



O mundo é o que foi ontem, e será amanhã o que é hoje!

Penso eu que seja assim...

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Um natal cheio de tudo o que se deseja!

Desejo a todos os que lêem as minhas baboseiras um natal Predilecto!!

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Um caso de insisitir...

Eu nem sei bem como é que hei-de dizer isto, mas o que é verdade é que me acontece de forma constante! Do tipo! Vocês lutam por algo, executam todos os procedimentos que acham necessários para alcançar tão ambicionado objectivo, mas não conseguem alcança-lo, entretanto desistem e deixam de pensar em tal desejo esquecendo-o por completo, e depois esse objectivo realiza-se! Mas eu já me tinha apercebido deste tipo de coisas ruins já à uns tempos, no entanto agora quando ambiciono algo, luto por isso e já sei a partida que só quando achar que não é possível é que ele se concretiza.
Ora assim é que ele não se concretiza mesmo, porque eu acabo por desistir só para achar essa bendita solução para que o desejo se realize, logo não funciona...
Ou seja é ter mesmo que esquecer... Só que nem sempre é possível quando ainda por cima vamos apercebendo-nos das tramoias que a vida nós coloca...
Lá diz o ditado: "Assim que souberes todas as respostas, a vida vem e muda todas as perguntas!"

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Pensamentos... Um abraço


Só se realiza um grande amigo(a) depois de um grande abraço!!

Só se sente um verdadeiro amigo depois de um grande abraço!! (by Trindade)


Penso eu que seja assim...

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

Um desenho predilecto

O Inverno









Ora aqui esta o resultado de mais uma tarde de verdadeiros artistas no Paint, e desta vez todos os participantes tiveram direito a expor as suas obras de arte, o tema de hoje foi o Inverno, alguns deles queriam que fosse o natal, mas fica para a semana! Obrigado pirralhos, este blog tem mais encanato com os vossos desenhos!

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

Doninha maluca

Já deu para notar que o disco predilecto que tenho a tocar em tudo o que reproduz som é o novo album dos "da Weasel - amor escárnio e mal dizer". Muito bom!
Os "da weasel" tem algo que não sei explicar, e que tem a ver directamente comigo, é do tipo, sempre que eles lançam um novo single, e é esse mesmo novo single que encaixa que nem uma luva nas experiências por mim vividas no momento... É giro não é?!

Ora então achei por bem fazer uma homenagem a tão predilecta banda colocando aqui alguns dos videoclips em que as músicas bem poderiam ser a banda sonora de 23 anos de exposição a radiação solar.





Da weasel - tás na boa






Da weasel - Essência





Da Weasel - Força (Uma pagina de Historia)






Da weasel - Nunca me deixes





Da weasel - Retratamento






Da weasel - Dialectos de ternura





Da weasel - Mundos mudos





Da weasel - Toque Toque




quinta-feira, 29 de novembro de 2007

Maluqueira

A sensação de sentir algo sem querer, mas que sentimos é um tanto ou quanto confuso. Somos evadidos por sensações e talvez por sentimentos, sem pedir...
Eles aparecem, instalam-se e pronto, cá estamos nós para ter que lidar com eles.
O chato de isto tudo é quando estes novos sentimentos se apoderam de nós, e de uma forma ou de outra entram em colisão com a nossa vida, a nossa rotina...
Depois se logo a seguir vem a ansiedade a acompanhar, ai é que "a porca Matilde troce o rabo". É uma chatice, e se nós resistimos, ai a coisa aperta e até pode começar a doer o que é extremamente aborrecido...
Isto de a gente traçar um caminho de vida é muito bonito, se bem que percalços criados por sensações e sentimentos tem que se lhe diga, podem criar a tal alternativa de mudar de rumo, mas calma que isto é tudo mero feitiço...
Quanto a isto tudo embora pareça confuso, porque ate o é, não vou dar o devido valor, ou melhor vou tentar, porque o que eu espero é que isto passe e que o Benfica ganhe no Sábado! Eu vou lá estar!
Agora imaginem isto tudo num tipo stressado!

sábado, 24 de novembro de 2007

Falam, falam, falam mas...

Esta é dedicada aos nosso "amigos" políticos!




Nem mais...

sexta-feira, 23 de novembro de 2007

Um desenho predilecto

O outono

A Inês continua a fazer estes desenhos fantásticos e assim sendo ela continua ser a única autora com direito a expor as suas respectivas obras de arte aqui no meu blog, mas os outros não desistem e estão cada vez melhores, Força Pirralhos!

Tantos ais...

Ora aqui esta o primeiro post deste blog, dedicado inteiramente ao futebol. Pois é algum dia teria mesmo que ser, sendo eu um autêntico fã de bola, e quando não há futebol ao fim-de-semana é para mim um autentico martírio!
Ora então já podem pelo natal oferecer bandeiras de Portugal a família, já que vão dar um certo jeito lá para Junho que é quando se vai realizar o Campeonato Europeu de Futebol e que a nossa selecção vai estar presente! (Podem também oferecer bandeiras do Brasil, a malta vai entender de certeza...").
Bem mas cá para mim este europeu não vai ter a mesma emoção que teve o Euro 2004 nem o último Mundial de 2006, porquê os nossos "amigos" Bretões não vão estar presentes... Sendo assim não há emoção e nem vamos ter o Ricardo nós penaltys a desviar-se da bola e a levar com ela na tola o que era um disparate!
Fora isso vamos ter novamente as bandeiras que foram oferecidas pelo natal nas janelas e a torrar ao sol, grandes farras na rua sempre que Portugal ganhe, e ecrãs gigantes em tudo o que Praças do Município, em que cafés das redondezas começam a vender imperiais a 0,90€ e acabam a vender a 2€.. A emoção do jogo faz disparar a inflação nestas tardes de desporto, como se não houvesse amanhã...
Agora venha lá os novos anúncios da Galp com as cachopas de calções mini, e o novo single do "Quero Mais, Menos ais...", música essa que os administradores da Galp não se tem fartado de cantar desde que descobriram petróleo as paletes no Brasil.

"Vamos lá cambada, todos a molhada, que isto é futebol total, deixem-se de tretas força nas canetas que isto é futebol total!!!"
by, Herman José (quando ainda metia piada)

segunda-feira, 19 de novembro de 2007

Razão concreta e objectiva

Para quem ainda precisa de razões para deixar de fumar!!



Still Smoking? Watch This !! - video powered by Metacafe

Espero ter contribuindo para a tua qualidade de vida!

The Frey - She Is

A música que trago comigo...


sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Um desenho predilecto

O magusto na escola

Este foi um desenho feito pela a Inês de 5 anos, na aula de Informática dos tempos livres.

A partir de agora os "pirralhos" dos tempos livres da Escola Secundária Quinta das Palmeiras da Covilhã, nas sessões que elaboro para eles, os que tiverem os desenhos mais predilectos, vou espor por aqui! :) A Inês começa bem!!

Iluminados

O que gostava de ver as ruas iluminadas pela altura do natal, era bem giro e aquilo para mim era sinal que estava a chegar umas das minhas noites predilectas, que era aquela noite fantástica em que recebia as prendas entregues por um pressumivel tipo designado por "Pai Natal". Sempre que estava na altura de ele entrar e deixar as tão desejadas prendas eu escondia-me.
Isto tudo para justificar a importância da iluminação de natal que tinha para mim.
Hoje em dia o que me diz a iluminação de natal?! Hum?! Bem, sabendo o que sei hoje, acho que é um verdadeiro desperdicio de dinheiro, e de electricidade para as autarquias. É das tais coisas que não tira a fome a niguém nem coloca Portugal no TOP dos paises do pleno emprego!
Tenho a noção que com este tipo de actividades festivas em que a decoração não é mais que isso, realizamos uma sociedade do faz de conta, onde tudo é lindo e bonito e muito alegre! O que fazemos ao que de facto respresenta a nossa realidade?! Nada... Por enquanto! E quando é que fazemos algo que melhore de facto tudo isto?! Talvez quando o natal acabar...

terça-feira, 13 de novembro de 2007

Como manter um bom nível de insanidade mental

Este foi de facto o conteúdo dos vários que recebo diariamente no meu mail que mais me fez rir, e logo de seguida chorar como se não houve-se amanhã! É hilariante e o que vos posso dizer, é que antes de começarem a ler este mail certifiquem-se que estão em locais isolados.
Façam um prévio aquecimento aos maxilares para não apanharem algum espasmo facial de tanto rir!


" No trabalho, em família, com os amigos, etc. Quando menos se espera os problemas surgem e as situações irreversíveis colocam-se-nos de forma intransponível. É, assim, muito importante que consigamos manter uma forma de reagir às mais diversas situações que o dia-a-dia nos coloca, mantendo sempre um recurso premeditado que pode passar por, nas mais diversas circunstância, ser cultivado um bom nível de insanidade mental, fundamental para encarar este mundo em que vivemos de forma descontraída e alegre. Eis algumas regras e conselhos conhecidos que ilustram esta forma de estar mas que não quero deixar de compartilhar convosco:

1. No teu horário de almoço, senta-te no teu carro estacionado, põe os óculos escuros e aponta um secador de cabelos para os carros que passam. Vê se eles diminuem a velocidade.
2. Sempre que alguém te pedir para fazer alguma coisa, pergunta se quer batatas fritas a acompanhar.
3.
Encoraja os teus colegas de sala a fazer uma dança de cadeiras sincronizada contigo.

4.
Coloca o tua lata de lixo sobre a mesa e escreve nela "Entrada".

5.
Desenvolve um estranho medo de agrafadores.

6. Põe café descafeinado na maquina de café por três semanas. Quando todos tiverem perdido o vicio da cafeína, muda para café expresso.
7.
No verso de todos os teus cheques escreve "Referente a suborno".

8.
Sempre que alguém te disser alguma coisa, responde com "isso é o que tu pensas".

9.
Termina todas as tuas frases com "de acordo com a profecia".

10.
Ajusta o brilho do teu monitor para que o nível dele ilumine toda a área de trabalho. Insiste com os outros que gostas assim.

11.
Não uses pontuações.

12.
Sempre que possível, pula em vez de andar.

13.
Pergunta as pessoas de que sexo são. Ri histericamente depois delas responderem.

14.
Canta na ópera com os actores.
15. Vai a um recital de poesia e pergunta por que e que os poemas não rimam.
16.
Descobre onde e que o teu chefe faz compras e compra exactamente as mesmas roupas. Usa-as um dia depois do teu chefe as usar. (Isto é especialmente eficaz se o teu chefe for do sexo oposto) .

17.
Manda e-mails para o resto da empresa para dizer o que é que estás a fazer. Por exemplo: "Se alguém precisar de mim, estou na casa de banho, 3ª porta à esquerda".

18.
Quando sair dinheiro da caixa automática, grita.

19.
Dispõe uma rede de mosquitos ao redor da tua secretaria. Põe um CD com sons da floresta durante o dia inteiro.

20. Ao sair do Zoo, corre na direcção do parque de estacionamento, gritando "Salve-se quem puder, eles estão soltos!".
21. À hora do jantar, anuncia aos teus filhos: "Devido À nossa situação económica, teremos de mandar um de vocês embora".
22.
Todas as vezes que vires uma vassoura, grita "Amor, a tua mãe chegou!"

23. Sempre que forem a uma loja de pronto-a-vestir escondam-se no provatório e coloquem as calças ao fundo das pernas, antes coloquem um papel na cortina a dizer WC.
24. Nos hipermercados sempre que ouvirem os avisos no altifalantes atirem-se para o chão rebolem e digam que estão a ouvir vozes, e que eles não te largam e que te desejam levar para o além.
25. No mesmo hipermercado distribui preservativos nos carrinhos das outras pessoas junto as caixas sem elas repararem, se tiverem tempo coloquem também vaselina.
26. Em qualquer loja se a empregada vos perguntar se precisam de ajuda, gritem dizendo porque é que o não deixam em paz, e comecem a chorar compulsivamente! Experimentem e mantenham-me informado sobre os resultados alcançados. "

excertos retirados de http://sol.sapo.pt/

domingo, 11 de novembro de 2007

Pensamentos... Ser fiel


Encontrar em algo a sensação e a suprema necessidade de novidade constante...

Penso eu que seja assim...

segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Jogos Predilectos - Kicka o Pinto

Ele a gostos estranhos um tanto ou quanto masoquistas, será algum desejo mais recôndito?!






Deixem aqui o vosso recorde! :)

Desorientação previsível e irreversível

Começo a ter a consciência (?!) clara que me conheço muito bem!
Ora isto é muito bom mas também pode de certa forma ser um tanto ou quanto frustrante.
Ontem decidi arrumar o escritório o que é não é novidade, que aquilo esta sempre uma autêntica barafunda tudo fora do respectivo lugar. É que a razão pela qual a organização do meu escritório tomou proporções de desorganização preocupantes, foi porque um dia já esteve arrumado e isto é um requisito essencial para ficar desarrumado, e a medida em que ia trabalhando, começou a ficar um pouco e depois muito e até bastante desorganizado.
Então eu ontem quando o comecei a arrumar já sabia que no futuro, não muito distante aquilo vai voltar a parecer uma selva e um sítio que ira ficar bastante requisitado pelos repórteres do "BBC - vida selvagem".
Agora basta bater o recorde de 7 dias e manter aquilo como gosto, ou seja arrumado! Se tivesse empregados certamente aquilo estaria arrumado, mas como não tenho, e também não possuo todas as qualidades de que gostaria de ter...

p.s.: Se souberem um método para me tornar organizado, digam aqui o Rui agradece!

quarta-feira, 31 de outubro de 2007

E porque é mais uma noite para fazer negócio...

Daqueles vídeos que faz pensar, se andamos por cá sozinhos...


sábado, 27 de outubro de 2007

O vulgar, mente e é diferente

Sempre tentando manter um pouco da nossa postura falamos do óbvio, discutimos as conclusões, e aprumamos as atitudes futuras com ar de quem aprendeu mais qualquer coisa e que tudo numa próxima oportunidade será diferente, as conclusões passarão a não ser analisadas e desde logo certamente ficamos imunes a sensibilidades gerando dentro de nós um escudo anti sensações.
Sentir a mentira o desrespeito e até a própria ignorância é prioritário depois numa fase mais avançada é conseguir ignorar prazeres que saltam de dentro, sentidos, embora não percebidos em redor.
Isto são poucos tópicos (nos imensos que sentimos) a não detectar e não agir perante tais, para mantermos uma insanidade mental possível de sermos simplesmente vulgares.
Certamente esta vontade dura pouco mais que o término da análise da conclusão, e vamos continuando a conhecer-nos melhor sabendo desde logo onde vamos cair, pois as conclusões já foram analisadas umas tantas quantas vezes, e o repetir o mesmo resultado é saber quem realmente somos, somos diferentes, tipos especiais.
Porque a quem imunes não ficamos nunca por mais imunes lhe ficaremos, somos presumivelmente a quem pertencemos.

quinta-feira, 25 de outubro de 2007

Engenharia do tipo social

De tudo o que se aprende na escola desde tenra idade, é de certa forma relativamente útil para o dia a dia.
No entanto existe algo tão fundamental que não nos ensinaram, nem há curso que nos possa facultar uma formação especifica em algo tão fundamental como são as relações sociais.
Creio que a não existência de tal ciência se deve ao facto de este conhecimento não se adquirir, mas nascer-se com ele. No entanto e pelo que me apercebo é uma ciência multifacetada em que cada um de nós possui as características que nos tornam tão complicados e eficazmente desoladores ao lidar com determinados sentimentos.
No entanto esta espécie de ADN tem resultados práticos em sectores de essências do dia a dia, tanto positivos como positivamente negativos! Há uma espécie de humanoides em que as suas características de ADN social tem efeitos práticos positivos no emprego, assim como pode provocar o contrário e o desastre tomar conta dos objectivos da organização. Esta regra definida por alguém que sofre demasiado com a radiação solar aplica-se aos amigos, família e até ao euromilhões...

terça-feira, 16 de outubro de 2007

Razão de viver

Ter de viver para comer, respirar e dormir, não faz de nós animais racionais, é por não termos a necessidade de completar apenas e só necessidades básicas que nos torna tão diferentes de os restantes animais, embora as vezes tenhamos exemplos entre nós, que coloca em questão esta mesma tese.
Ter objectivos faz-nos viver tal como somos, é uma das nossas maiores necessidades ter as convenientes necessidades extra-básicas, a complexidade de toda a nossa vida é composta por objectivos alcançados e outros tantos por concluir, por vitórias e umas tantas derrotas, eis a razão pelo prazer andar de mãos dadas com as vitórias.
Nunca deixar de pensar que somos especiais em tantas especialidades e tão especiais para tantos especialistas é uma forma de tornar o doloroso em uma quebra de rotina natural e aceitável, sempre reversível.
Derrotas que nos abalam são experiências que nos embalam para uma enorme batalha definida pela vida, quando castelos a conquistar são definidos como seres, só a razão de ser e de estar, nós pode caracterizar com um enorme sorriso perante caras.

Desistis-te de viver quando tinhas tudo para triunfar, eu conhecia-te, mas talvez esta vida não te mereça...

terça-feira, 9 de outubro de 2007

As bolinhas as cores

- Mais 50 cêntimos para ver se consigo tirar um chocolate grande. - Digo eu todo convencido nas minhas capacidades de sorte ao jogo.
Sai a bolinha com cor a amarela que corresponde ao chocolate que conta com as dimensões de 10cm x 5cm. Fico um pouco desapontado, verifico se trago comigo mais uma moeda de 50 cêntimos para tentar novamente, e eis que a cor é a Laranja na segunda tentativa que corresponde ao chocolate com as dimensões de 12cm x 4cm.
- Nota-se que te preocupas com a minha linha. - Diz a minha namorada com ar de quem manda umas piadas engraçadas.
- Hoje não estou com sorte. - Digo eu com ar stressado.
- O amigo, antes de meter a moeda verifique qual é a bola que vai sair, desta forma pode ver se vale a pena tentar. - Diz-me o taberneiro.
- Mas?! Então.. Isto da para ver a bola que vai sair?!
- Pois, a ASAE obriga a que assim seja...
- Caramba, mas assim não mete piada!! Que graça têm saber que chocolate vai sair?! Lá se vai a ansiedade pelo chocolate... - Digo eu revoltado pelo total de 2€ gastos sem ter conhecimento de tal bónus.
Caros amigos da ASAE:
Já não se pode comprar camisolas da Lacoste, nem ténis da Nike nas feiras ao sábado de manhã, já não se pode comprar DVD's com filmes que ainda nem estrearam a 2€, nem se pode almoçar nas belas tascas com moscas a fazer companhia e agora tiram o belo do prazer de arriscar 50 cêntimos na incógnita do tamanho de um chocolate?!?
Por esta ordem de ideias e porque sou alguém que me bato por todas as coisas justas e tal e não só, exijo saber os números do euro milhões antes de jogar os 2€.

terça-feira, 2 de outubro de 2007

Ponto da situação

Eu que sou um gajo que até me interesso por esse desporto de lazer que é a politica, considero-me actualizado aos grandes temas da diplomacia. Ultimamente as vitorias das politicas implementadas pelo nosso governo resumem-se ao óbvio.
O Choque tecnológico é um sucesso e esta conclusão esta mais que provada. Portugal sobe nos rankings internacionais no que toca as tecnologias e a sua respectiva utilização. A razão pela qual isto foi possível, foi uma massificação de equipamentos e meios tecnológicos estrategicamente situados em pontos fulcrais da sociedade, era óbvio que a sua utilização teria que ser aproveitada pois meios informáticos tornam tudo mais rápido, simples e eficaz, por esta visão estratégica os meus parabéns ao governo. Esperamos no entanto que as empresas sigam este alinhamento, pois pode de facto torna-las mais competitivas, poupar tempo e recursos.
O ponto menos positivo é de facto o desemprego, as empresas fecham. A causa deste mal quanto a mim acho que é por não se conseguírem adaptar as novas realidades, aos mercados globais e não conseguírem organizar uma ofensiva eficaz ao mercado chinês.
No entanto defendo que para atenuar esta escalada do desemprego, será necessário apoiar os trabalhadores individuais, retirar-lhes a enorme carga fiscal a que estão sujeitos, desta forma dariam a possibilidade a desempregados trabalharem por auto-iniciativa desempenhando tarefas para os quais estão qualificados em diversas empresas onde as suas credencias se aplicam. Parece-me a mim que desta forma ajudaríamos as empresas, elas não teriam a necessidade de elaborar contratos efectivos e teriam um serviço prestado a um custo mais reduzido mais eficaz e responsável, ajudaria também os trabalhadores, desta forma eles teriam mobilidade poderiam prestar o seu serviço em mais que uma empresa e desta forma auferir de um rendimento considerável face aos salários regulares. O que hoje ainda estraga esta táctica são os elevados impostos a que um trabalhador individual esta sujeito.
Para concluir verifico que a flexisegurança poderá ir de encontro as minhas ideias. O mundo esta diferente adaptemenos a ele.
Ao cuidado do pessoal dos sindicatos, epá deixem lá os cravos e o barulho que os objectivos comuns já deixaram de existir, hoje em dia é cada um por sí, e se um colega de trabalho poder queimar outro para subir, queima de certeza...

sexta-feira, 28 de setembro de 2007

Portugueses Reais

Se existe exemplo de nacionalismo sem contrapartidas materialistas ou monetárias, em que a dedicação e o amor pela pátria é levada ao limite e há interesse em deixar Portugal bem representado a selecção nacional de Râguebi desempenhou de forma exemplar esse papel, foi extraordinário.
Sem mais grandes comentários porque por muitos que sejam basta resumir tudo o que eles mostraram a uma única palavra FANTÁSTICO, vale a pena ouvir o hino nacional cantado pelos "Lobos", eu deixo aqui o meu muito obrigado a eles, e continuem, ao contrário da Selecção Nacional de Futebol, estes sim vale a pena apoiar, porque os apoios que eles têm são poucos e não se ouvem queixar, sem dúvida um exemplo a seguir!

sábado, 22 de setembro de 2007

Uma verdade incoveniente

"Mas por que razão deram agora para tudo ser informatizado?! Temos que utilizar mails institucionais para enviar recados, temos que ter cada um de nós um computador para trabalhar, para poder entrar neles temos que ter uma espécie de login e password, é que em vez de facilitarem as coisas só complicam. Qualquer dia com tanta password ainda dou em maluca, se o papel e o lápis funcionam tão bem, caramba!!"
in Resistência anti-informática

Ora ai esta o tipo de conversa da malta que faz parte da resistência anti-informática...
Eu naturalmente sou sem duvida um dos alvos que eles preferem (tentar) abater, debatem-se em argumentos para me esporem os contras da prefloração informática como se isso justificasse a incompetência que possuem.
E qual a razão para fazerem parte de tal resistência?!
Ora bem, aquilo que vou escrever de seguida não tem como intenção ser uma regra geral, mas pode muito bem aplicar-se a maioria de tal facção.
São pessoas com alguns anos de trabalho com sistemas de labor mecanizados em que executam o essencial para justificarem ao mínimo o seu vencimento, em que a vontade de se actualizarem é mínima, fazem sempre enormes sacrifícios quando são deparados com mudanças na monotonia do seu respectivo emprego.
O aparecimento da Informática nas instituições veio de certa forma transformar-se num autêntico atentado para tais profissionais, terem que mudar totalmente as regras de execução de tarefas foi para eles uma enorme dor de cabeça e para muitos ainda é.
Importa dizer que o mundo é feito de mudança e progresso, e que quem não se actualiza terá que dar lugar a outros que consigam transformar a instituição que se esta a informatizar numa organização de vanguarda.
No entanto quero deixar aqui bem claro, que as empresas devem dar formação aos seus funcionários em novas tecnologias, porque caso contrário em vez de se estarem a actualizarem-se e a desenvolver processos automáticos e seguros, estarão em vez disso a arranjar um grande imbróglio que provoca o contrario do que é pretendido.
Aviso a população activa que contribui para os torneios de sueca no jardim municipal todas as tardes, estejam naturalmente atentas e informem-se, actualizem-se, tal como o no Primeiro Ministro diz a solução esta no futuro, o passado esse já deu o resultado que todos nós sentimos. As novas oportunidades estão ai... Aproveitem!

P.S.: Os portáteis de 150€ não valem um abacaxi.

terça-feira, 18 de setembro de 2007

Microsoft multada em 500 milhões de euros

"O Tribunal de Primeira Instância da União Europeia (UE) confirmou a condenação da Microsoft, por conduta anti concorrencial, decretada pela Comissão Europeia em Março de 2004. A Microsoft tinha recorrido da sentença de Bruxelas, que decidiu em 2004 que a Microsoft teria que pagar uma multa de 500 milhões de euros, acusando a empresa de Bill Gates de utilizar o quase monopólio que tem na Europa para eliminar a concorrência nas áreas de áudio e vídeo." in Jornal de Angola online

No que estes tipos do Tribunal se foram meter, multar a Microsoft em tanto dinheiro diria que é quase que um acto terrorista, vejamos:
  • Os serviços administrativos do tribunal da união europeia têm computadores?! Com que Sistema operativo?! Adivinhem?! Pois...
  • Continuando, quantos dos juízes que aplicaram esta severa multa, possuem o Windows original em suas casas?! Ui... Ui...
Tendo a Microsoft 95% do mercado europeu, não acham que a Europa esta nas mãos dos EUA?! Cuidado com as actualizações ao sistema operativo...

O dinheiro da multa vai para onde?! Para as universidades que desenvolvem aplicações em Linux?! Ou para equipar escolas e afins com computadores que vem [Designed for Windows XPTO] Com S.O OEM Microsoft?!

Pensem nisto se tiverem tempo, e poupem as mulher bonitas!!

quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Groove Armada - Song for Mutya

Onde os Groove Armada põem a mão o resultado é este...

segunda-feira, 10 de setembro de 2007

Lição nº. 5467

Já me contara a minha Avó que o seu Avô lhe tinha contado, que a vida nos ensina de uma forma exemplar...
E o que eu aprendo e as conclusões que tiro, percebendo o porque das coisas não durarem para sempre, o porque do infalível falhar no mais simples e inesperado, são de facto as lições mais básicas...
Ora pois bem, ao viver (e tem que ser) arriscamos entre melhor e o pior, a viver bons e maus momentos, sendo eles sem planeamento possível ou previsão concreta, as atitudes são um reflexo das consequências...
Isto tudo mostrou-me que algo vai mudar, em mim pelo menos em diversos locais e a determinados dias da semana em certos horários a minha presença vai marcar pela ausência, e vai mudar porque algo aconteceu, Lição nº. 5467...
Não vou dizer o que vai mudar, só sei que é um desafio que vou ter que cumprir, e só tenho que o cumprir, pois tenho tudo para o cumprir, tenho o que muitos não têm e adoravam ter, sou o que sou, e muitos não são capazes de o ser, estou onde estou porque tive coragem e audácia para o conseguir, e outros não o têm, não possuem a respectiva qualidade e aquela embaraçosa coragem para tal...
Tenho orgulho no que sou e no que tenho, outros preferem continuar a acreditar que são importantes, quando a sua importância é relativa quando comparada com gente.
Algo vai mudar, algo sem importância...

Agora algo muito importante, a minha mais que tudo carinhosamente designada por "Pirralha" faz 24 Anos, por ela sem duvida tudo deve mudar!

sexta-feira, 7 de setembro de 2007

Uma equipa eXemplar...

No mundo globalizado onde vivemos onde tudo se vende e tudo se compra, em que a Internet oferece e coloca ao nosso dispor um sem numero de oportunidades comerciais sem limite de espaço e tempo, sempre com o propósito de "always on", encontrei de forma involuntária (quando fazia uma pesquisa sobre o Santo Adrião de Caminha) este site que dá pelo singelo nome de Apartado X, (entretanto ainda não consegui associar o Apartado e o X), sobre o comércio explicito de prazer sexual. Entretanto convido-os a visitar apartadox.com e perceber melhor o que por ali se pode comercializar, posso adiantar que a julgar pelas imagens o material é sem duvida de qualidade no entanto importa referir que aparenta não ser nacional, e provêm certamente da América do Sul e arredores.
Mas o que mais me impressionou neste site, foi a reflexão que a equipa do site faz sobre si, reparem com os meus devidos comentários, desculpem a chatice:

"
O Apartado X surge com o objectivo de corresponder às mais recônditas necessidades impostas pelo mercado Europeu.

- Pois de facto o mercado europeu é muito exigente, olhem lá o Durão Barroso...

Somos um grupo de publicitários que nos dedicamos a gestão da colocação dos anúncios pessoais que compõem o nosso site


- Um grupo unido suponho... A dedicação é mesmo grande! A chatice deve ser mesmo colocar os anúncios...

Apostamos na qualidade ímpar das imagens que publicamos. Para isso temos como back up uma equipa motivada composta por fotógrafos, designers, publicitários e gestores comerciais que, em conjunto, asseguram a originalidade e qualidade que achamos necessária para encontrarmos o sucesso.

- A qualidade nem se questiona... A motivação da equipa já percebi, agora a parte dos gestores comerciais... hummm Originalidade?! Que?! Na depilação?!

Não somos uma agencia de acompanhantes. Limitamo-nos a veicular o meio de divulgação sugerido pelos nossos anunciantes.

- Não são uma agência de acompanhantes?! ui... Limitam-se a veicular?!

As fotografias que compõem as galerias são ‘realmente’ de cada uma das modelos que fazem os anúncios e foram tiradas pelos nossos fotógrafos ou verificadas ao vivo por um dos nossos gestores comerciais.

- Há, já não se limitam só a veicular... Também tiram fotografias e têm um gestor comercial para apurar a veracidade de tais fotografias... Hummm interessante...

Se verificou qualquer situação que não esteja de acordo com estas disposições, por favor contacte-nos para info@apartadox.com . Prometemos averiguar e agir em conformidade.

- Com tanta coisa para contactar no vosso site e íamos contactar uma equipa de fotógrafos, designers, publicitários e gestores comerciais, que se limitam a veicular... Haja paciência...

Com os nossos melhores cumprimentos,


- Já vi melhores...

Equipa X


- Que rica equipa...

"
A correcção ortográfica do texto foi de borla... Bom fim de semana...

quinta-feira, 6 de setembro de 2007

Tipo(a)s porreiro(a)s, pronto(a)s a ajudar

Até que dia eu vou deixar de responder: "Esta tudo bem, muito obrigado.", a um funcionário de um call center?? É uma questão que me coloco a mim mesmo sempre que acabo de falar com um profissional de apoio a um serviço via telefone. De facto é um acto de simpatia perguntar se esta tudo bem, alguns até perguntam: "Como tem passado?!", e até lhes fica muito bonito, mas imaginem que um dia respondo a esta típica pergunta com isto: "Não estou nada bem a minha vida é um poço enorme alagado de solidão e que até me estou a equacionar tirar-me de um 7º andar com vista para a linha do comboio, com um colete florescente e com uma corda ao pescoço?!" Será que a tipa me resolve o problema, e me vai dar um conselho que muda a minha vida, e logo a seguir me resolve o problema do telemóvel?! Ou vai reencaminhar a chamada para um psicólogo!?
Acredito no entanto que isto não seria o mais ridículo que eles antederam durante a sua carreira, de facto eles devem ter uma santa paciência, para aturar malta que não sabe o que é: "Username", "Modem", "USB", "Login"... Etc... Aplausos para a malta da SAPO ADSL que devem ser o que apanham mais, porque depois eu tenho que levar com estas explicações todas, quando o meu problema é a ligação que não esta activa na minha linha telefónica... Valha-nos a Rita da Internet - TVCABO. Há coisas fantásticas não há?!

terça-feira, 4 de setembro de 2007

Novidades só na TVI

A TVI essa grande estação televisiva que nos prima sempre com o "essencial", notícia sempre que pode o que todos nós já sabemos, ora então como eu tanto gosto de fazer "zapping" quando dá os noticiários e por pura distracção carreguei no numero 4, e assisto a seguinte noticia: Situação económica desanima portugueses bem eu fiquei admirado, digam lá que vocês sabiam?! Claro que não!! É das tais noticias que nos apanham desprevenidos, é que ninguém desconfiava nem sofria de tal coisa...
Pronto, ok, estava a ser irónico, a parte do irónico é de ver a TVI de vez em quando.
Continuando, a situação económica desanima os Portugueses, nem todos, pelo menos os grandes, não são os grandes portugueses alguns deles eram já conheceram melhores dias de tal economia, mas aqueles mesmo grandes cheios de guita até aos dentes. Esses tais que comandam o pais... É como governar a casa de um desconhecido, até podemos fazer o melhor por eles, mas tais medidas não nos são sentidas na pele, logo o a vontade é maior. E quem governa este pais?! Acreditam que é o Eng. Sócrates?! Só para que saibam este pais esta nas mão da companhia dos Berardos e afins... Como posso provar isso?! Não sei, mas sinto... Força companheiros!!!

quarta-feira, 29 de agosto de 2007

Era só um fosforo

Tal como o meu amigo José Nunes diz nas manhãs da Antena 3, no rubrica "Linha Avançada", para os lados da Grécia, "esta tudo em brasa"! O Ricardo Araújo Pereira diz que são "Labaredas enormes"! De facto aquilo é "Fogo por todo lado". Não há quem se salve os bombeiros não têm como tomar conta das inúmeras ocorrências que aparecem de forma algo constante, multiplicando-se. Ora, isto dos fogos para mim, e cá para nós, não é novidade nenhuma, nós Tugas conhecemos bem o cheiro de terra queimada, pois temos por cá uns engraçados, que dizem: "Gostamos de ver os bombeiros."
Bem desculpem, mas a solução para evitar que estes anormais entrem em acção, é deixar que estes episódios deixem de ser noticiados. Calma!! Isto não é nada de Fascista, ou algo ditatorial, não quero tirar o direito a informação livre e responsável(?). Simplesmente, acho que ao se dar destaque a estes desastres não naturais, estamos a dar visibilidade a alguma obra feita por um qualquer delinquente, a TVI ajuda e de que maneira a sentir o maluco satisfeito. E isto acaba com os incêndios?! Claro que não!! Mas ajuda... Enquanto não houver regras para se minimizar o recurso ao papel, tornar o PDF um documento obrigatório em comunicação intra-empresa, enquanto os interesses imobiliários estiverem bloqueados por zonas de protecção natural temporárias e não definitivas, enquanto os presidiários não largarem a musculação, o futebol e a espreguiçadeira na prisão super lotada e colocarem os senhores a limpar as matas e os postos de vigia serem ocupados por vigilantes, as florestas vão continuar a arder. E se tudo isto for alterado os incêndios acabam?! Claro que não! Falta inventarem misseis mar-terra que ao localizarem um incêndio em determinadas cordenadas, eles sejam lançados e acabem logo com o churrasco. E se tudo isto for alterado os incêndios acabam?! Claro que não! Eles começam, mas acabam num instante!

segunda-feira, 27 de agosto de 2007

ENUR feat Natasja - Calabria 2007

Digo e repito, não comentem...

sexta-feira, 24 de agosto de 2007

60 anos de diferença

Idosos que andam por cá, a espera que o destino termine, além de ganharem a sua misera reforma, sobreviver no dia a dia em que a farmácia é ponto de encontro, local onde negociam o dia do pagamento de tais medicamentos que lhe permite durante mais algum tempo, ensinar. Eles velhos ensinam o que nos pensamos por vezes já saber.
Eles vêem a vida de cima para baixo, nós contrariamente o oposto, naturalmente.
O fim de semana passado estive breves instantes a falar com uma velhinha, lenço preto a cabeça, luto negro tal como manda a tradição religiosa e rigorosa de outros tempos, sempre que se perde um ente querido. Ouvi ela falar da dor imensa de ter perdido um filho ainda com muito para dar e receber. Disse-me ela que o filho sofreu durante 3 anos, com dores, um sofrimento horrível até sucumbir numa cama de hospital.
Há medida em que as lágrimas escorriam pela sua cara ao contar tal drama, ao mesmo tempo eu estava ali a aprender qualquer coisa. (Com gente desta não se faz muito mais que aprender muito e bem.) A vida é o que é, o fim dela é uma incógnita que prima por saber quando e onde. Noto que a vivemos com imposições e regras impostas por nós, pelo faz bem, pelo faz mal, pelo parece bem, parece mal, e pelo hoje não. Amigos para vocês, aproveitem a vida porque pelo que ate agora me dizem e me apercebo só há uma, divirtam-se o mais possível, aproveitem as boas companhias o maior tempo disponível, porque não sabemos se um dia também estaremos a morrer aos poucos e só com energia para pensar no que ganhamos e no que perdemos porque assim o desejamos. Por isto e por tudo, marquem lá uma jantarada!

terça-feira, 21 de agosto de 2007

Alex Gaudino - Destination Calabria

Não comentem, porque não é preciso...


Castelo profundo

Depois de alguns dias sem nada colocar neste blog que por si é predilecto, regresso de umas curtas férias de passeio, o tempo esse facto incompreendido não me permitiu mais tamanha virtude, frio, vento e chuva foram de facto uma companhia.
Faz hoje precisamente uma semana, navegava de barco, por 1,50€ até ao Castelo de Almourol, imponente por sinal é diferente de todos os outros, esta plantado em pleno rio, o Tejo.
Questiono e ponho em causa tal sitio para um castelo de cariz militar, de que ponto estratégico que vantagem trará aquela localização?! Não sei, de facto D. Afonso Henriques o terceiro grande Português, conquistou Almourol em 1129, o soberano entregou-o aos cavaleiros da Ordem dos Templários, então encarregados do povoamento do território entre o rio Mondego e o Tejo, e da defesa da então capital de Portugal, Coimbra.
Descubro aqui então algo que defino como simbólico algo bem actual, interessante, colocar uma ordem religiosa importante num castelo rodeado por água, por um Rei que fundou Portugal. Seria então provavelmente a meu ver, a sina que guia o cristianismo em Portugal, embora enquadrado em locais simbólicos, lugares estratégicos da sociedade, estão rodeados de matérias essências que não permitem o acentuar de ideias e o aplicar, desenvolver de politicas regidas por profecias ocultas. No entanto seguídas por muitos, nada valem sobre o poder de ideais conquistados por vidas actuais, no entanto admiradas e (incrível) respeitadas.

quinta-feira, 16 de agosto de 2007

Calvin Harris - The girls

Falta-lhe uns óculos...


quinta-feira, 9 de agosto de 2007

Jorge Palma - Encosta-te a mim

Sem dúvida um grande som, de um enorme senhor...


quarta-feira, 8 de agosto de 2007

Os irresponsáveis do costume

Ora o Millenium BCP, dizem que ate é o maior Banco Comercial Português, parece uma autêntica novela Mexicana, ninguém se entende, é muito galo para um só poleiro, pessoas a lutar na vida e pela vida...
Ora, isto das assembleias gerais das subidas e quedas das acções no PSI20 do BCP, etc, etc, pouco me tem preocupado, passa-me complemente ao lado. Até que, ouvi algo típico de incompetentes: "Devido a uma falha informática não foi possível a realização da assembleia-geral do BCP". Pois claro, então porque razão mais podia ser?! Estas coisas só acontecem com os informáticos, de facto eles empatam tudo, até assembleias gerais. (que raça marada!!!) Mas um sistema informático para uma assembleia-geral com o objectivo de contar votos?! Hum?! (Cá para mim o que eles queriam era fazerem um torneio de copas em rede, ou então a empresa de informática tem uma comercial com credencias muito boas...)
Um conselho, que tal votação tipo Assembleia da Republica, o ainda igual ao do Académico dos Penedos Altos?! Levantam o bracinho, ou até mesmo colocam-se de pé, e com estas acções corporais dão o seu voto no sim ou (ainda) não. Mas eu acho que eles tem medo de levantar o braço... Devem ter receio que enquanto levantam um dos membros superiores, o sócio do lado lhe meta a mão ao bolso, e lhe tire a carteira. No entanto acho difícil, é que devem ser carteiras muito recheadas, o que compõem um volume considerável para ser tirado num espaço de 5 segundos. São de facto uns tipos muito desconfiados.
Mas eu quero defender os meus amigos informáticos que meteram o pé na poça, primeiro, não meteram, e depois pediram para meter água na altura em que a assembleia estaria a aquecer. Quero defender aqui neste blog a seguinte tese: "Todos os informáticos devem fazer uma formação de 700 Horas em Bode Espiatorismo." Ou então liguem o Ar Condicionado nas assembleias, ou façam um acordo com o gerente do Elefante Branco, ele tem assistentes para contar os votos. (Não se esqueçam do champanhe no frigorífico).

domingo, 5 de agosto de 2007

Sem saber o que escrever, esta calor...

Vou tentar elaborar um post sem saber o que vou escrever.
Estamos em Agosto e o calor aperta.
Reparem bem que quando não a nada para dizer geralmente falamos sobre as condições climatéricas, este tipo de abordagem geralmente ocorre em elevadores ou nas filas das finanças principalmente no último dia para adquirir o selo para ao carro, e nos dias seguintes.
Bem importa dizer que nas finanças cada vez vai haver menos este tipo de tertúlias em que a discussão anda a volta das condições climatéricas, a Internet e a vantagem de adquirir o respectivo dístico de uma forma cómoda e sem filas vai de certo mudar este hábito tão Português.
Podem perguntar as 4 individualidades que consultam este blog regularmente (Eu e mais 3). Português?! Porque?! Ora bem, a razão é simples só nós, nascidos em terras lusas gostamos de deixar tudo para a última, o que provoca as respectivas filas (Mais conhecidas por bichas), logo aquelas esperas em que a paciência requer-se situada nos seus melhores níveis e o não ser stressado ajuda e de que maneira, a possibilidade de no mínimo estar 45 minutos em frente a uma cachopa jeitosa sem nada para dizer torna a situação mais dolorosa, valha-nos o Tempo então... ;) (Calma que por esta altura do ano além de estar calor a cachopa pode estar semi-desnuda o que pode complicar a sensatez e a veracidade do clima) Continuando... Pertencer a uma fila tem a sua lógica da vida, começamos em último (Só se formos no penúltimo dia é que somos logos os primeiros), o tempo vai passando chega mais alguém e já não somos o último já temos alguém atrás e cada vez menos pessoal a frente, não tarda (20 minutos) e já estamos no meio da fila, olhamos la para trás e constatamos o que já andamos e vemos N gente a passar por onde já estivemos, continuamos a espera, somos cada vez mais primeiros, o tempo que nos resta na fila é cada vez menor (Só se o sistema bloquear) finalmente somos nós a ser atendidos, e vamos embora...

terça-feira, 31 de julho de 2007

Pensamentos... Instante


Instante, é um momento sentido ou (in)reflectido.

Penso eu que seja assim...

segunda-feira, 30 de julho de 2007

O Regresso

Uma semana sem novidades neste blog (que conta com uma média de 4 visitas diárias), não é que não existissem, (epá) mas é que estive em (pseudo) férias, e não pude trocar a cama até as 14h, e a esplanada e a piscina até as 19h, e PlayStation até as 22h, e os Bares até as 4h, por 1h em frente ao computador a fazer um post que não tivesse erros e que no mínimo tivesse algum sentido... (Percebem)
Também importa dizer que ideias para post's não faltaram durante esta semana vi e ouvi de tudo e ainda mais alguma coisa para elaborar um post critico e cheio de palavras de sinónimos que encaixam bem, mas para que tal não acontece-se contribui e de que maneira a bela da preguiça, com a qual tenho uma relação intensa e de certa fomar afectiva, não consigo deixar de gostar dela, se bem que tenho a plena noção do mal que me faz.
O primeiro dia de trabalho após as férias traz o sentimento de que o tempo (perdido) passa rápido de mais, e eu sei porque, é que durante as férias não há tempo para olhar para o relógio, já durante o horário de expediente o relógio é sem duvida, tipo parente próximo. Logo agora que o calor se faz sentir tipo Verão... Aguenta Falâncio! :-)

segunda-feira, 23 de julho de 2007

Já foi, Para o ano a mais. (?)

Depois de tanto stress e de tanta ansiedade na preparação de um jantar com amigos, já se passou a noite de 21 de Julho de 2007, foi uma noite espectacular é esta a palavra que pode representar o rescaldo, amigos todos reunidos comidinha maravilha nem faltou o vinho nem a cerveja a boa disposição imperou e nem os cânticos da praxe faltaram, e a equipa do restaurante ajudou e de que maneira provando assim que as Portuguesas são sem dúvida as mais bonitas do mundo, e esqueçam as Brasileiras e as Ucranianas para trabalhar em restaurantes, essas mostram ser capazes de se mostrarem por outros lados.
Desta forma e ao final, café com cheirinho, e aqueles discursos, sinceramente, nem sei como temos políticos de tão baixo carisma, quando pessoal com os copos diz coisas tão sensatas e engraçadas...
Agradeço por isso a todos os que estiveram presentes (e os que me mantinham o copo cheio), e mesmo aqueles que por uma razão ou outra não puderam comparecer...
Recebi um livro que andava a ver se comprava, fantástico (ainda nem o li, espero que corresponda a expectativa)"O retrato de Salazar, segundo Nogueira Pinto", vou ter uma semana de relax pela frente, acho que vou ter tempo de o ler. Obviamente irei fazer as observações necessárias :).
Uma noite que acabou por ser um tanto ou quanto zonza, por onde se passava ou era cevada ou era álcool, tudo em estado liquido, o calor nem era muito, mas a secura essa fazia-se notar cada vez mais.
A noite acabou por volta das 5h15m com o sentido de dever comprido, herói esse foi o Filipe, foi o único que me conseguiu acompanhar ate a &companhia, e depois claro fui pó-lo a casa! Para o ano há mais, ou até antes quem sabe, este tipo de actividades culto-lúdicas convêm repetir-se para não se perder o jeito!
Mais uma vez o meu muito obrigado!!!

sexta-feira, 20 de julho de 2007

Bob Sinclar & Cutee B - Sound Of Freedom

Este vai ser o Som deste verão - Bob Sinclair || & Cutee B - Sound Of Freedom




Bolo com velas, não Obrigado!

É já amanhã que completo 23 anos de exposição a radiação solar, vai ser um dia tranquilo logo um dia diferente, quanto a noite nada posso desde já adiantar apenas sublinhar que as bebidas ao jantar são a descrição e por conta da casa, sobretudo espero apenas conseguir chegar inteiro a casa para na segunda-feira colocar aqui as observações necessárias. Se alguém souber onde é que a GNR ou PSP fazem as operações STOP em que temos que fazer aquela cena Gay de soprar ao balão avisem pelos contactos habituais, a malta agradece.
Vai ser de facto um dia interessante, primeiro porque faço 23 anos, depois porque vou juntar mais de uma dezena de amigos em convívio, sim amigos, porque amigas já deixei de ter a 3 anos por motivos de força maior, agora só tenho uma :), permitam-me que diga, e mesmo que não permitam eu digo na mesma o blog é meu por isso...
Vai ser um convívio recheado de bons amigos, já por isso amanhã é um dia sem duvida especial! Para mim conseguir juntar diversos amigos não é tão banal como parece, foi sempre algo que valorizei, para mim e para outros que amanhã lá vão estar, são como membros de família, todos eles de uma forma ou outra, mas todas elas importantes contribuíram para amanhã fazer 23 anos repletos de stress e emoção!
A autarquia da minha cidade, decidiu fazer uma mega-festa pelo facto de eu conseguir chegar aos 23 anos, e como sou alguém com algum destaque neste concelho por isso desde já agradeço e fico desde já sensibilizado, no entanto aviso o sr. Presidente cuidado com os IGATS podem saltar p'ras febras e entremeadas e afins e é uma chatice. aquieaqui
Por isso amanhã como prenda de aniversário, peço de vocês a vossa presença e disponibilidade para a parodia e alegria desenfreada e preparação psicológica para o forrobodó, ou o então equipamento cor-de-rosa do Benfica.

quinta-feira, 19 de julho de 2007

Perigo, trabalhos de manutenção na via...

Pagar portagem para andar numa auto-estrada com óptimas condições e segurança é mais ou menos justificável tendo em conta os impostos que já pagamos, e mesmo assim parece que temos que pagar tudo e ainda mais alguma coisa, mas pronto, as portagens nas auto-estradas e o seu respectivo pagamento servem (?!) para a manutenção da respectiva via.
Agora o que me punha completamente stressado era pagar portagem, numa auto-estrada em obras... Mas que raio?! É como ir a um restaurante e estar a comer num prato sujo e ainda por cima ter que pagar... A sorte é que num restaurante, por norma, temos um livro de reclamações, nas auto-estradas acho que não...
Menos mal, parece que os palavrões que disse depois de pagar portagem surgiram efeitos no nosso governo e esta prestes a lançar uma lei que proíbe a cobrança de portagem em auto-estradas em obras e isto é a parte positiva, a menos positiva é que a Lei (24/2007) foi publicada ontem em Diário da República e entra hoje em vigor, mas o Governo tem 180 dias para regulamentar o diploma, o que faz com que os seus efeitos só se produzam plenamente em 2008, por esta altura as obras estão finalizadas. Aprendam que estes tipos não duram sempre!

terça-feira, 17 de julho de 2007

Sem "isto" é uma chatice

Nem mais, nem menos, estive dois dias sem ir a Internet, pois foi, custou-me mas consegui. Foi um fim-de-semana como já não tinha há muito tempo, todo dedicado as relações pessoais, e a televisão e ao seu respectivo comando a distância, em que fazia "zapping" a uma velocidade incrível, estava impaciente queria ver algo de interessante e passava todos os canais da cabo vezes sem conta a espera de algo como deve de ser. (Os canais "Pay Per View" passava os de forma mais ligeira)
Claro se tivesse Internet iria sem dúvida encontrar um conteúdo que me interessasse, basta pesquisar...
A televisão rudimentar e banal enfim ainda não tem este parâmetro, talvez o Triple-Play da PT traga essa novidade para o pequeno ecrã, o que é sem dúvida excelente conseguir ver um determinado programa de TV quando bem nos apetecer, de uma forma simples e eficaz, sem necessitar de acessórios de gravação.
É um facto já estou a começar a lidar como a sociedade do agora e já, desejo agora quero já. Esperar é cada vez mais uma virtude, que eu como informático a tempo inteiro e stressado não conseguirei alcançar. Virtudes para os virtuosos, e eu não sou excepcional.

sexta-feira, 13 de julho de 2007

Os emigrantes em férias em Portugal

Já se notam, é matriculas as cores por todo o lado, é engraçado andar a tentar descobrir de que pais são os 5% que não tem matricula amarela. Pois é os tão nossos entes queridos Portugueses que fazem o favor de apoiar as equipas portuguesas por essa Europa fora quando essas lá se deslocam.
Os portugueses andam por todo o lado! Chega o verão, as férias, e eles reúnem-se todos neste cantinho a beira mar plantado, vem de férias matar as saudades da pátria.
Até aqui tudo bem, vem cá deixar uns trocos e uns euros com uma coroa diferente para andarmos a tentar descobrir de onde é tal moeda. Agora sendo eles portugueses e andarem cá em Portugal a falar Francês é que meus amigos era desnecessário... Kriolo ainda vá, já estamos habituados, agora línguas europeias em Portugal por portugueses, sinceramente?! É estranho vamos a um super-mercado além de nesta época nos arriscarmos a ver as prateleiras vazias (porque eles rapam tudo), ainda os ouvimos a falar a língua do pais que os acolheu, parece que entramos numa embaixada?! Mas afinal onde é que esta então o orgulho de ser Português?! E ainda trazem os filhos que não sabem falar português, mas que raio?! Filho de bom africano nascido em Portugal sabe falar Kriolo!! Caramba!

quinta-feira, 12 de julho de 2007

Eu leio(?) a Playboy

Leio a Playboy pela mesma razão que leio a National Geographic: Gosto de ver fotografias de lugares que sei que nunca irei visitar...


Eu também penso que seja assim...

quarta-feira, 11 de julho de 2007

Onde andam as marotas?

Onde é que elas andam?! Aquelas marotas?! Que não me largavam durante a noite, e me deixavam marcas durante o dia, o que fazia com que as não conseguísse esquecer? Em pleno mês de Julho ainda não apareceram, pelo menos eu ainda não as senti o que não é habitual, e elas que apareciam em plena noite sem esperar...
Uma vez aconteceu eu mudar de casa durante o Verão, a noite antes da mudança elas andavam lá não me largaram e deixaram-me todo marcado, na noite seguinte elas não apareceram fiquei aliviado pois, mas na noite seguinte lá estavam elas outra vez todas desvairadas feitas malucas.
É assim há já largos anos, tornou-se para mim quase um habito de verão, mas este ano elas não aparecem, é estranho mas ainda bem, andar a ser picado por melgas é algo que dispenso, embora estranhe elas ainda não terem aparecido.
É assim com as melgas, é assim com tudo, pode haver alguém ou algo que nos chateia durante tempos e tempos com regularidade, algo que nos incomoda e que nos irrita, mas no entanto quando esse alguém ou algo não aparece ou a sua atitude altera-se nos estranha-mos e questionamos o porque da mudança de atitude.

Parabéns ao meu amigo Gil que volta a ser Pai desta feita de um macho.
Da-lhé Falâncio! (Em que dia e a que horas no primor?)

terça-feira, 10 de julho de 2007

Everybody's Free to Wear Sunscreen!

Um clip para nós por de bem com a vida...


domingo, 8 de julho de 2007

Lisboa - A paródioa eleitoral

A verdade dura e crua, estes são sem dúvida os maiores!
Dá-lhe Falâncio!


O Tempo é assim, paciência

Tudo muda, e o que é que é preciso para tudo mudar?! Tempo. O tempo passa as coisas mudam é simples, embora pareça que até existem coisas que não mudam e que estão sempre iguais, mas vão ter que mudar mais cedo ou mais tarde, pois é a função do tempo, mudar as coisas, e o tempo esse não falha é a certeza que o caracteriza.
Perante a mudança tem que haver as necessárias adaptações umas mais fáceis outras mais difíceis.
Distinção entre elas:
Adaptação ao concretizado e ao desejado, é fácil, algo muda quando obtemos o que queremos (Maravilha).
Adaptação ao fim do prazer, é quando termina algo que nos dava um certo contentamento, sendo esta mudança uma realidade que nós desagrada temos que nos adequar, é difícil (Ora bolas(!!)).
O futuro esse vai se encarregar de nos ir propondo adaptações espero eu que sejam positivas, e que o Benfica seja campeão.
Esta é mais uma conclusão, (ou não), ou até uma reacção de uma adaptação a mudança.
Conhecem aquela música, "Ó tempo, volta prá tras!"?

quarta-feira, 4 de julho de 2007

Gates - 2nd Edition

Agora é que a barraca vai abanar toda! O Bill Gates, já não é o homem mais rico do mundo. E agora?! Agora, penso eu, ele vai utilizar a sua arma secreta para voltar a ocupar o lugar que é seu há já muito tempo, ou seja, pessoal que tenha software Microsoft pirata, os vossos dados podem estar em perigo eminente, ou então já foram detectados como possuidores ilegais de software Microsoft, não tarda vão começar a ter a ASSOFT a porta de casa ou da empresa, com formulários pré-preenchidos para se apresentarem no Tribunal mais próximo.
Sabemos desde logo que o software pirateado da Microsoft traz a esta mesma companhia prejuízos de vários milhões de dólares, devem então ser (agora) os milhões que faltam ao Gates, o que é extremamente chato, senão mesmo aborrecido.
Por isso preparem-se! Isto vai ser um verdadeiro choque tecnológico nas empresas Portuguesas...
Já agora, e isto é uma ideia pessoal, já que se dão ao prazer de fazer um ranking dos mais ricos do mundo, que tal, para variar, não fazer também, um ranking dos mais pobres do mundo?! Era giro! Fica a dica para a TVI.

segunda-feira, 2 de julho de 2007

Pensamentos... Ser Genuíno


Ser Genuíno, é exercer a simplicidade que nos forma, e tornar-lá na base de toda e qualquer atitude.

Penso eu que seja assim...

sábado, 30 de junho de 2007

Egocêntrico, ao seu mais alto nível

As vezes julgo ser eu e apenas eu a pertencer a este mundo, e isto ate pode parecer uma visão egocêntrica, talvez, mas deixem-me tentar explicar a razão de tal pensamento.
Posso começar por aqui:
Tudo o que me rodeia, só eu é que sinto, se vocês também sentem, não sei, eu não sinto por vocês.
Tudo o que vejo só eu é que vejo, se vêem, não sei, eu não vejo por vocês.
O mundo anda a minha velocidade, se um belo dia de prazer passa de forma célere para mim, passa da mesma forma para todo o resto.
Se num dia de tédio em que o tempo para mim passa paulatinamente, passa para todos igualmente.
É assim que eu visualizo o mundo, também só eu o posso visualizar, o que vocês visualizam, eu não sei, nem sei se visualizam.
Dizem agora vocês, "Agora é que ele se passou!" Vou ver e sentir se o dizem, se não o fizerem, não o disseram.

sexta-feira, 29 de junho de 2007

Viva a tasca!

Querem-me ver mesmo atrapalhado? Ok, convidem-me para uma refeição num restaurante todo "chique" e vão ver como eu começo logo a stressar com os copos e o talher... Epá, tanta coisa para que?! Mas não é comida é confusão, 3 copos de diversos tamanhos em cima da mesa, um para a água, outro para o vinho e ainda um outro para o sumo... Para que?! Tudo isso se bebe em qualquer copo e também se tal, se bebe pela garrafa ou pela lata! Garfos e facas de diversos tamanhos.... Para que?! Além da sopa que convêm ser com a colher, tudo o resto se come com um garfo e uma faca banal, e até mesmo com a mão que dá um jeitão.
Nesses restaurantes em que se come pouco e se paga bem, tenho que ficar sempre a espera que alguém comece a comer, para saber em que utensílio devo pegar para simplesmente me alimentar, e quando me armo em valente e tomo a iniciativa, há sempre alguém que diz, "Epá, esse é a faca do peixe!" e eu... "Há, pois...".
Engraçado são os pratos quadrilactos, com uma dimensão relativa, mas não se deixem enganar, o seu conteúdo é bastante reduzido, é que eles dispõem a comida de uma forma "engraçada" no prato, como se isso me matasse a fome! Pronto, já sabem que para mim uma tasca é o ideal, comemos bem, e não temos que estar preocupados com o que estamos a utilizar devidamente para comer, é mais barato e se quisermos repetir, não há problema, é ate rapar o tacho!